NAVIRAÍ: Prefeitura implantará Projeto "Cuidar de Quem Cuida" -

NAVIRAÍ: Prefeitura implantará Projeto “Cuidar de Quem Cuida”

Prefeitura lança novo projeto

Será lançado nos próximos dias, em parceria com o CAPS – Centro de Atendimento Psicossocial, o projeto “Cuidar de Quem Cuida”, idealizado pelo setor de Esporte Escolar da Prefeitura de Naviraí, que tem a coordenação do professor Sergio Jacomeli e aval da Gerência de Educação.

A intenção deste projeto, segundo Jacomeli, surgiu em virtude de que as estatísticas comprovam que a angústia, a falta de paciência e o estado de ansiedade, são claros sinais de que a pessoa está com sua afetividade comprometida e refletem muito na educação, no desequilíbrio emocional do profissional.

Esse projeto se articula e é transformador envolvendo os profissionais da educação e tem duas vertentes: uma atuando diretamente com os profissionais e outra com os alunos, uma intervenção pedagógica e já pensando numa outra articulação com as universidades.

Professora Fátima Liuti, Gerente Municipal de Educação disse que o projeto educacional da sua gerência se adequa perfeitamente ao projeto político-administrativo do governo do município. “Estamos fazendo um resgate do ser humano que é o capital mais importante na educação, juntamente com nossos alunos. Eles são o centro de nossa atenção”, comentou a gerente.

Esse projeto social que vai desencadear ações de políticas públicas que vão em direção da qualidade de vida de pessoas que educam, contará com a participação dos professores da Rede Municipal, especialmente os professores de Educação Física, e o pessoal do CAPS, sendo que  a Escola Odércio foi escolhida para ser piloto.

A Psicóloga Luciana, que é integrante do CAPS, entende que o professor expressa as suas angústias sentidas que refletem no seu desempenho e essa parceria da saúde e da educação fornecerá o amparo suficiente em relação aos nossos pacientes do CAPS – uma troca extremamente importante para toda a sociedade. “Cuidar da saúde mental, é cuidar do corpo, do psicológico e a consequência disso, é a autoestima, motivando a pessoa a trabalhar, buscando outras situações em nossa vida”, destacou.

A enfermeira Érica, que também trabalha no CAPS, disse que o órgão está firme nessa parceria e que para eles é muito importante manter a saúde mental desses envolvidos na educação, para que possam estar formando mais e mais profissionais capacitados. “Queremos trabalhar para impedir que esses trabalhadores em educação cheguem a um estágio pior. A prevenção deve ser o carro chefe de toda gestão”, finalizou. (Texto: Assessoria de Imprensa da Prefeitura).

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *