Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019    Responsável: Jota Oliveira    Fone: 67 9988-5920

Ocorrências de incêndio aumentam 340% em Mato Grosso do Sul


No mês de julho, o Corpo de Bombeiros atendeu 767 ocorrências; no mesmo período do ano passado foram registrados 174 casos
Incêndio na Avenida Ernesto Geisel na última terça-feira (18) (FOTO: Liniker Ribeiro)

 

Em junho, o número de ocorrências de incêndios registradas em Mato Grosso do Sul aumentou 340%, se comparadas com o mesmo período do ano passado. É o que aponta o levantamento do Corpo de Bombeiros. Entre os dias 1° e 21 de junho de 2018, foram atendidas 174 ocorrências, já nos primeiros 21 dias de junho deste ano, o número de ocorrências atendidas chegou a 767 incêndios.

O aumento, segundo o Major Fernando de Almeida Carminati, está relacionado ao clima. “Este ano estamos tendo uma estiagem mais cedo, com a umidade do ar mais baixa também no período, o que favorece e facilita a incidência de incêndios em vegetação”, explica.

O levantamento ainda aponta que os registros são atípicos. “Historicamente junho não há a incidência de grandes números de incêndios em vegetação. Sempre se dá a maior quantidade de ocorrências entre os meses de julho e setembro, sendo o mês de agosto o mais crítico”, compara o major.

Conforme o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), o inverno, que começou nesta sexta-feira (21), será mais quente que o normal. O tempo seco também contribui para o crescimento dos incêndios no Estado, já que os índices de umidade relativa do ar durante a estação serão inferiores a 30% e com picos mínimos abaixo de 20%. Ainda segundo o Inmet, as chuvas serão irregulares, mal distribuídas e com pouco volume.

Diante do número, o Corpo de Bombeiros adiantou que possui um Plano de Operações em execução para aumentar a capacidade de resposta, aumentando o número de guarnições para o atendimento a este tipo de ocorrência.

O ano já começou com índices atípicos. Dados do Corpo de Bombeiros apontam que o mês de janeiro teve o maior registro histórico, com 542 ocorrências de queimadas em Mato Grosso do Sul.

Campo Grande – Segundo dados do Corpo de Bombeiros, Campo Grande é a região com maior registro de ocorrências. Entre os dias 1° e 21 de junho deste ano foram registrados 585 atendimentos. Um crescimento de 659% em comparação com o mesmo período do ano passado, quando foram atendidos 77 ocorrência na Capital. (Com informações Campo Grande News).

 


Fonte: Campo Grande News