Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019    Responsável: Jota Oliveira    Fone: 67 9988-5920

MS recebeu 14% a mais de turistas estrangeiros em 2018


Ao todo, 91.518 estrangeiros estiveram no estado no ano passado; em 2017 o número foi de 80.270
Um dos principais pontos turísticos de Mato Grosso do Sul (FOTO: Arquivo/Governo do Estado)

 

Um dos principais pontos turísticos de Mato Grosso do Sul (Foto: Arquivo/Governo do Estado)

Mais de 91 mil turistas estrangeiros visitaram diferentes destinos sul-mato-grossenses, no ano passado. A estatística faz parte de números divulgados pelo Ministério do Turismo e indica um aumento de 14% em relação a 2017.

Com isso, MS continua sendo o primeiro Estado do Centro-Oeste em fluxo internacional. A informação faz parte do Anuário Estatístico de Turismo 2019, ano base 2018. O percentual revela que o Estado está na lista dos dez brasileiros que registraram aumento no número de turistas internacionais.

Em 2017, o número de gringos por aqui foi de 80.270. A Bolívia e o Paraguai continuam sendo importantes emissores de turistas para Mato Grosso do Sul, os indicadores registraram a entrada de 55.569 turistas vindos da Bolívia (em 2017 foram registrados 48,8 mil) e em segundo lugar o Paraguai com 26.795 turistas (em 2017 foram 24.588).

A terceira e quarta posição foi ocupada visitantes vindo do Peru (2.027) e da Argentina (1.548). Para o diretor-presidente da Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul, Bruno Wendling, o resultado do aumento vem do esforço conjunto dos destinos na captação desses turistas e o trabalho de divulgação, promoção e ações que o Estado tem realizado nesses mercados.

“Estamos felizes e otimistas com o aumento do crescimento do turismo estrangeiro em nosso País, isso reflete positivamente em nosso Estado. Nossos principais públicos terrestres continuam sendo a Bolívia e o Paraguai, graças ao intenso trabalho realizado”, ressaltou.

Wendling destacou ainda que está fortalecendo ações no mercado americano e europeu. “Estamos potencializando outros mercados como os Estados Unidos, com a abertura dos vistos deve aumentar significativamente a procura pelo destino Mato Grosso do Sul, por parte dos americanos. Outro mercado é o Europeu, estamos participando das principais feiras internacionais com foco no público de ecoturismo, que apreciam o Pantanal”, revelou.

Números – O balanço mostra ainda que a maioria dos visitantes chega a Mato Grosso do Sul por meio terrestre, sendo 91.176 entrando por esta via de acesso, enquanto 308 chegaram via aérea e apenas 34 via fluvial. Janeiro e dezembro são os meses do ano mais procurados pelos turistas estrangeiros.

Foram 12.573 em janeiro e 13.319 em dezembro do ano passado. Em 2017 foram respectivamente 11.943 e 11840. (Com informações Campo Grande News).

 


Fonte: Campo Grande News